Translate

Nosso Canal Youtube
Patrocinadores do clube
Peças Auto 24

www.PECASauto24.pt
Autopecas-online

www.AutoPECAS-online.Pt
Inscreva-se!


Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Ir em baixo

Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Qua Mar 08, 2017 11:42 pm

Afinal, o que é normal na dinâmica de funcionamento do motor? Como usar os dados da tomada OBDII?

Tenho feito registros-gráficos dos vários parâmetros obtidos da tomada OBDII...Como os valores seguem um padrão, talvez seja possível corrigir e/ou prevenir eventuais problemas. Como estou aprendendo, a evolução de algum parâmetro pode não ter relação direta com os demais, mas segue como curiosidade ou para serem desvendados/corrigidos com a ajuda e experiência de todos.

Registro 1 (Ligar o carro com motor frio, A/C desligado, marcha lenta/parado)
Parâmetros monitorados:
-rotações do motor - rpm (current engine speed)
-temperatura do liquido de arrefecimento (ECT),
-temperatura do óleo (oil temp.),
-sensor de oxigênio aquecido 1 e 2 (O2 bank1 sensor 1 e 2),
-controle da marcha lenta (idle control on/off),
-acoplamento do compressor do ar condicionado (A/C compressor on/off),
-ciclo de trabalho da injeção (injector duty cycle %)



Quais informações podemos retirar desse registro?
Os sensores de oxigênio 1 e 2 (sondas "lambdas") estão operando normalmente?
Qual a dinâmica de funcionamento da marcha lenta?
Quando se dá a abertura da válvula termostática?


Última edição por nakay em Ter Jul 04, 2017 9:10 pm, editado 3 vez(es)
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Sex Mar 10, 2017 12:16 am

expandindo a região ( 1 ) e ( 3 )





Dados de valores e tempos:
(1) RPM : ao ligar o motor, a rotação atinge uma faixa de 1300 rpm e se mantem nessa faixa com pequenas oscilações (gráfico 1) durante 60 segundos. Após esse minuto há uma queda brusca para a faixa de 1000 rpm e lentamente (durante 6'23") as rotações diminuem até estabilizar na faixa de 787~750 rpm (gráfico 3), que deve ser, as rotações normais em marcha lenta.
Gráfico da frequência da RPM:



Última edição por nakay em Ter Jul 04, 2017 9:13 pm, editado 5 vez(es)
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por pimenta59 em Sex Mar 10, 2017 1:27 am

Eu acho que tu estais perdendo teus cabelos à toa.
pimenta59
pimenta59

Mensagens : 1750
Data de inscrição : 08/10/2015
Localização : Olinda - Glorioso estado de Pernambuco

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Sex Mar 10, 2017 8:02 pm

pimenta, ao contrário do que imagina estou me divertindo e também é uma forma que uso pra aprender...
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por PauloEduardo em Sab Mar 11, 2017 8:25 am

Bem legal, nakay. Dá para visualizar várias coisas interessantes:

Ao ligar o motor dá para ver o tempo que o motor leva para começar a baixar a marcha lenta. Primeiro vem aquela queda mais brusca (particularmente, na parte da manhã só começo a movimentar o carro depois disso). Depois vai baixando lentamente até estabilizar. Mas agora me ocorre uma dúvida: Esta primeira queda mais brusca se dá por tempo ou temperatura?

Outro fato interessante é a temperatura do óleo, que depois de certo ponto passa a ficar maior do que o líquido de arrefecimento. Acredito que depois da abertura da válvula termostática e o acionamento da ventoinha pois o óleo não tem arrefecimento forçado.

Quanto as sondas O2, parecem operar bem. A primeira (anterior ao catalisador) variando continuamente como deve ser. A pós catalisador, apesar de operar de forma bem mais estável acusa claramente o momento que a central começa a baixar o tempo de injeção dos bicos. Como a temperatura vai subindo a necessidade de mistura rica vai diminuindo. O curioso é que vai diminuindo o tempo de injeção entre picos e vales.

Gostei, bem interessante.
PauloEduardo
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Mar 12, 2017 8:14 pm

expandindo a região (2) :



(2) O2 B1S1 (sensor de oxigênio 1): a sonda "lambda"1 (pré catalizador) inicialmente "travada" em 0.44V (gráfico 1), começa a oscilar 7 segundos após a ignição com amplitude (média) 0.38~0.70V durante 53 segundos e mudando para uma oscilação mais ampla entre 0.063~0.823 Volts, mantendo-se assim até o fim da análise .


(3) O2 B1S2 (sensor de oxigênio 2): a sonda 2 (pós catalizador) inicialmente travada em 0.44~046V (gráfico 2), começa a operar após 3'14" com oscilação mínima (quase constante) entre 0,73~0,76 Volts .


Última edição por nakay em Ter Jul 04, 2017 9:18 pm, editado 3 vez(es)
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Mar 12, 2017 8:17 pm

expandindo região (4), (5):



4) ECT (Engine Coolant Temperature) : Com a temperatura inicial de 27°C, o líquido de arrefecimento atinge a temperatura de 83°C, onde se dá a abertura da válvula termostática (80,5° a 83,5°C segundo o manual HR16DE-FFV), em um tempo de 14'06". Após isso a temperatura se mantém estável nessa faixa.


fim do teste (1770s = 19'30") em ponto morto (sem carga). Com esse tempo, a temperatura do óleo (ainda) está em 92,32°C.




Última edição por nakay em Ter Jul 04, 2017 9:26 pm, editado 2 vez(es)
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Mar 12, 2017 8:46 pm

PauloEduardo escreveu:Bem legal, nakay. Dá para visualizar várias coisas interessantes:

Ao ligar o motor dá para ver o tempo que o motor leva para começar a baixar a marcha lenta. Primeiro vem aquela queda mais brusca (particularmente, na parte da manhã só começo a movimentar o carro depois disso). Depois vai baixando lentamente até estabilizar. Mas agora me ocorre uma dúvida: Esta primeira queda mais brusca se dá por tempo ou temperatura?

Outro fato interessante é a temperatura do óleo, que depois de certo ponto passa a ficar maior do que o líquido de arrefecimento. Acredito que depois da abertura da válvula termostática e o acionamento da ventoinha pois o óleo não tem arrefecimento forçado.

Quanto as sondas O2, parecem operar bem. A primeira (anterior ao catalisador) variando continuamente como deve ser. A pós catalisador, apesar de operar de forma bem mais estável acusa claramente o momento que a central começa a baixar o tempo de injeção dos bicos. Como a temperatura vai subindo a necessidade de mistura rica vai diminuindo. O curioso é que vai diminuindo o tempo de injeção entre picos e vales.

Gostei, bem interessante.

Pois é PauloEduardo...legal que viu. Talvez, o ideal seria tomar as leituras num modelo mais novo para uma referência mais próxima da real e outras leituras para ver se há um padrão nissan para os diferentes motores.
Com relação à marcha lenta, tinha feito um teste anterior com o A/C ligado (ON) e o comportamento foi idêntico -a queda se dá no mesmo tempo (59 para 60s).

Percebi que com o A/C desligado, marcha lenta sem carga, o eletroventilador na velocidade LOW (ECT 98 p/ 99°C) não é suficiente para o sistema de arrefecimento estabilizar ou diminuir a temperatura do óleo.
Mesmo com a abertura da válvula termostática, temperatura do óleo, nessas condições (A/C off, marcha lenta) tem sua evolução contínua e crescente. Não fiz testes, mas fiquei curioso em saber qual a temperatura do óleo onde o eletroventilador entre em velocidade HIGH (temperatura ECT acima de 99°C).
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Maio 28, 2017 8:27 am

Registro de viagem/percurso de 206,4 km, 7201 segundos, com aproximadamente 8% no perímetro urbano e demais em rodovia. Combustível mistura E59,2 com temperatura inicial em torno de 30°C.

Parâmetros monitorados conforme indicado na primeira imagem e os demais gráficos com o histograma (frequência da amostra) do parâmetro indicado. Registros obtidos com app. "Realtime Charts for Torque Pro"



Início da trip : ECT=30°C, VVT Oil T= 30,84°C
           3'50" : ECT=70°C, VVT Oil T= 53,02°C
           6'04" : ECT=83°C, VVT Oil T= 67,12°C
         21'55" : ................VVT Oil T= 95,34°C
         26'43" : ................VVT Oil T= 98,37°C
         32'55" : ................VVT Oil T=100,40°C
         43'44" : ................VVT Oil T =102,40°C
















Última edição por nakay em Dom Jul 09, 2017 2:45 am, editado 2 vez(es)
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Ter Jul 04, 2017 9:42 pm

Perdi a maioria das imagens no local da hospedagem...aos poucos estou repondo. Acrescentei algumas novas imagens do plugin "Realtime Charts for Torque Pro" que ficaram disponíveis nas últimas atualizações.
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Jul 23, 2017 11:14 pm

Exemplo da evolução da temperatura do líquido de arrefecimento (ECT) com uma válvula termostática operante e uma "travada"
aberta:

nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Dom Set 17, 2017 11:34 am

app. Torque Pro + plugins (Nissan advanced Ex, Realtime Charts):

-consumo de combustível x ar condicionado (ON/OFF)
-dinâmica da temperatura do líquido de arrefecimento x ar condicionado (ON/OFF)...



nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por pimenta59 em Seg Set 18, 2017 2:29 am

Economia de....9%.

Passar calor ou gastar mais 9%? Em termos reais, quem gasta 500 reais por mês, gastará...45 reais a mais, NO MÊS, e isso se você NUNCA usar o ar...(...)
pimenta59
pimenta59

Mensagens : 1750
Data de inscrição : 08/10/2015
Localização : Olinda - Glorioso estado de Pernambuco

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por icefly em Seg Set 18, 2017 8:25 am

9% é + ou - razoável hein, mas nada paga o conforto Smile

Se o trajeto é curto, algumas vezes não ligo o AC, pois não dá nem tempo de esfriar direito.
icefly
icefly

Mensagens : 3471
Data de inscrição : 11/10/2015
Idade : 43
Localização : São Luís - MA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por Alexandre em Seg Set 18, 2017 8:39 am

Verificando estes gráficos de vocês me senti no pré fundamental em matéria de análise do scanner OBDII. Onde vocês conseguem tantas informações de como operá-lo? Existe algum manual?

Alexandre

Mensagens : 594
Data de inscrição : 02/12/2015
Idade : 58
Localização : Porto Alegre/RS.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por WilsonM em Seg Set 18, 2017 4:28 pm

até onde eu sei, a gente aprende a usar o TorquePro na raça mesmo, quase não tem material nem manuais para ajudar. O colega nakay virou praticamente uma referência no assunto aqui no Brasil  cheers cheers cheers
WilsonM
WilsonM
Admin

Mensagens : 8801
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 54
Localização : Miami, Fl.

http://www.nissanclube.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Ter Set 19, 2017 12:46 am

pimenta59 escreveu:Economia de....9%.
Passar calor ou gastar mais 9%? Em termos reais, quem gasta 500 reais por mês, gastará...45 reais a mais, NO MÊS, e isso se você NUNCA usar o ar...(...)

Pois é...comecei os testes quando notei que o meu AC começou a perder eficiência. Aproveitei o período de "inverno" e com medo de danificar o compressor, deixei o ar desligado (até o conserto) e fiz os testes.
Fiz as melhores médias do meu percurso diário (até 13,65 KPL), desde que comecei a monitorar...notei também (nitidamente) uma suavidade e agilidade na condução. Com essas vantagens, e depois de "contar" quantas vezes o compressor e o eletroventilador (LOW) acoplam/desacoplam, vou rever o uso quase 100% ON do AC. Talvez com pequenas ações (sem perder o conforto), podemos (até) dobrar a vida útil do sistema de AC (compressor, eletroventilador, correia, polias..).
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Ter Set 19, 2017 1:02 am

WilsonM escreveu:até onde eu sei, a gente aprende a usar o TorquePro na raça mesmo, quase não tem material nem manuais para ajudar. O colega nakay virou praticamente uma referência no assunto aqui no Brasil  cheers cheers cheers

kkkk....referência? Só tenho dúvidas...os manuais são o professor MRB e o mr.google.
Estou monitorando praticamente 100% da minha condução e com mais de 400 "viagens" armazenadas sem saber o que fazer com elas. O ideal seria umas 10 pessoas (por modelo Nissan) utilizando o aplicativo "realtime charts" e trocando informações.
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Sab Set 23, 2017 1:02 am

Recentemente tive problemas no ar condicionado (manual). Ouvia-se, ao ligar, um ruído (maior) de gás circulante e progressiva perda de eficiência no resfriamento (perceptível, principalmente, no período da tarde com maior temperatura).
Como já tinha feito a análise gráfica do ciclo do compressor (normal) do Ar Condicionado (A/C), com o plugin "Realtime Charts for Torque Pro" & dados da tomada OBD2, fiz um comparativo com esse período de funcionamento irregular:


[ 1 ]  Funcionamento normal : (condição urbana  em modo recirculação e vidros fechados, temperatura externa média  de 25°C, com velocidade média de 20 a 30 km/h).
Ao dar a partida do carro com o interruptor do A/C ligado, o compressor do ar (só) entra em ação após 6 a 8 segundos  (daí, não há sobrecarga na partida). O primeiro ciclo ON do compressor é maior, em torno de 30 segundos. A partir daí temos em média um ciclo (completo) a cada 25 segundos (5" a 8" acoplado/ON e 17" a 20" desligado/OFF).
Resumindo, o compressor do A/C (nas condições acima) entra em operação em torno de 36 vezes a cada 15 minutos ou 144 ciclos/hora. A frequência fica em torno de 30% ON e 70% OFF.

[ 2 ] e [ 3 ] Funcionamento irregular:
Na trip [2] apesar do ruído e do ciclo totalmente irregular, com ciclos ON com mais de 4 minutos, não foi possível perceber perda (significativa) de eficiência no resfriamento, pois o problema se iniciou no inverno. A frequência praticamente se inverteu, onde o compressor ficava acoplado em 76% do tempo (ON) e 24% desacoplado (OFF).
Na trip [3], apesar do compressor acoplado em 98% (ON), praticamente não havia resfriamento, só uma leve brisa...
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por nakay em Ter Out 24, 2017 12:26 am

Os registros gráficos abaixo são comparativos de 2 trips com mesmo padrão de condução (cidade), A/C ligado, mesma distância (19 km), mesmo combustível, praticamente o mesmo tempo (diferença de 9 segundos) e consequente velocidades médias próximas...
Mesmo com essas semelhanças, o consumo foi de 9,95 km/litro (trip 1) e 11,64 km/litro (trip 2). Qual seria o motivo dessa diferença?



Análise (comparativa) de gráficos de frequência (histograma):




Conclusão: Na trip 1, além da temperatura externa ser maior (~34°C ), o carro estava no sol gerando uma temperatura interna (inicial) alta, mantendo o compressor do A/C acoplado em praticamente 80% do tempo contra 30% na trip 2 para o resfriamento necessário.
Enfim, o maior responsável pela diferença de consumo é o maior tempo de acoplamento do compressor do A/C em temperaturas maiores e numa parcela (menor?) a temperatura mais elevada do ar admitido (IAT).
nakay
nakay

Mensagens : 603
Data de inscrição : 17/12/2015
Localização : São Paulo / SP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Análise gráfica de (alguns) dados da tomada OBDII.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum