Translate

Nosso Canal Youtube
Patrocinadores do clube
Peças Auto 24

www.PECASauto24.pt
Últimos assuntos
Autopecas-online

www.AutoPECAS-online.Pt
Inscreva-se!


Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Ir em baixo

Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Seg Ago 22, 2016 3:30 pm



A Nissan gastou US$ 250 milhões (cerca de R$ 800 milhões) para ser o principal patrocinador dos Jogos Olímpicos Rio 2016, encerrados na noite deste domingo (21), e promover o crossover Kicks. A informação foi divulgada pelo CEO do Grupo Nissan-Renault, o brasileiro Carlos Ghosn, em entrevista ao Detroit News.

De acordo com Ghosn (foto abaixo), a intenção do Grupo é que a Nissan e a Renault somadas aumentem em 50% sua participação de mercado no país. Pelo lado da Nissan, o executivo espera vender 50 mil unidades do Kicks na América do Sul nos próximos 12 meses. Pelo lado da Renault, o chefão apresentou no país os novos Kwid, Captur e Koleos, que estarão nas lojas até 2017.

“Como Nissan, precisamos melhorar a notoriedade da marca. Participar das Olimpíadas é uma boa maneira de aumentar essa consciência, particularmente quando você tem novos e bons produtos para mostrar ao público”. Esta é a primeira vez que a marca japonesa lança um carro global no Brasil, antes de outros mercados. “O Kicks foi desenvolvido pelo time de design da Nissan do Rio de Janeiro, levando em conta necessidades locais como altura livre do solo elevada e tamanho compacto”, explica o executivo.

Leia mais em Carplace
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por WilsonM em Seg Ago 22, 2016 3:53 pm

caramba, mais que o valor de 8.000 Kicks.
avatar
WilsonM
Admin

Mensagens : 6855
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 53
Localização : Bs. As.

http://www.nissanclube.net.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por andre fachini em Seg Ago 22, 2016 4:55 pm

Se o olhar o mercado da AL como um todo ai sim, foi um belo investimento em propaganda..pois no México vende muito Nissan.....se for retorno somente daqui..ai só com politica envolvida...
avatar
andre fachini

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 08/10/2015
Idade : 40
Localização : URUPÊS-SP INTERIOR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Seg Ago 22, 2016 6:49 pm

Não se enganem. Quantias como essa para um grupo forte como Renault/Nissan é dinheiro de pinga. E como o evento acabou sendo um sucesso como um todo foi um ótimo investimento. Saiu até barato.
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por icefly25 em Seg Ago 22, 2016 7:26 pm

Aumentar em 50% do mercado??

Aqui no BR, tenho minhas dúvidas.
avatar
icefly25

Mensagens : 2892
Data de inscrição : 11/10/2015
Idade : 42
Localização : São Luís - MA

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Seg Ago 22, 2016 8:51 pm

Se o Kicks vender bem (como parece que vai) consegue sim. Como a marca ainda não vende tanto assim não é uma tarefa tão difícil quanto parece.
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por LennoX_MS em Seg Ago 22, 2016 10:28 pm

E esse kicks tá batendo duro no Renegade e no hr-v. Conheço os três.
Prefiro o kicks.
E ainda assim, não acho q investiram tanto

LennoX_MS

Mensagens : 33
Data de inscrição : 27/04/2016
Idade : 32
Localização : Campo Grande MS

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por keydril em Qua Ago 24, 2016 9:18 am

A Nissan na America Latina, vende bem seus carros e só olhar nos Estados Unidos , Canada e Mexico , fora os demais paises.. foi um belo investimento a longo prazo a imagem da Nissan ficou na ponta do mercado.
avatar
keydril

Mensagens : 513
Data de inscrição : 16/11/2015
Localização : Criciuma, SC

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por MEN. em Sab Set 10, 2016 12:31 am

Ofensiva: Nissan quer crescer 3% em ano de crise
Só que, ao contrário das rivais asiáticas, a Nissan não acompanhou o crescimento do mercado
Se você não se lembra, procure no YouTube o comercial "Pôneis Malditos", que marcou uma série de propagandas ousadas da Nissan Frontier no Brasil há cinco anos. A música fofa destoava da letra incomum e rendeu até investigação do órgão regulatório das agências de publicidade.

"Esse comercial chamava a atenção, mas não levava ninguém às concessionárias", explicou François Dossa, presidente da Nissan do Brasil, durante uma entrevista exclusiva à revista CARRO
Cinco anos depois da polêmica campanha, muita coisa mudou. O setor automotivo enfrenta a maior crise da década, o país passa por instabilidades econômica e política e a Frontier, a picape média mais potente do Brasil na época, perdeu o posto e ficou defasada diante das rivais Ford Ranger, Chevrolet S10 e Toyota Hilux. Tudo isso se refletiu nos números de venda. As antigas "quatro grandes" perderam participação e as newcomers, como são chamadas as fabricantes que chegaram ao Brasil recentemente, ganharam destaque – especialmente Honda, Toyota e Hyundai.
Só que, ao contrário das rivais asiáticas, a Nissan não acompanhou o crescimento do mercado. Além de ter começado a produzir por aqui mais tarde, a empresa demorou a ter produtos de volume e ainda não conseguiu adquirir a fama de robustez e de confiabilidade que Honda e Toyota possuem. Para conquistar seu espaço, a Nissan investiu mais de R$ 2,6 bilhões em uma nova fábrica, em seu primeiro SUV e em uma campanha publicitária gigantesca.
O PESO DA MATURIDADE
A Nissan não revela os valores, mas o investimento para patrocinar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio foi tão alto que o dinheiro veio da matriz, e não da subsidiária brasileira.
O objetivo da marca é claro: chegar aos 3% de participação no mercado até o fim de 2016 e passar de 5% "nos próximos anos", sem cravar uma data exata. Isso explica a onda de lançamentos, anúncios e até uma surpresa reservada aos entusiastas de esportivos.
A chegada do famoso GT-R em setembro coroa o ano em que a marca mais lançou novidades no Brasil. "Mas ele será um carro de imagem, para mostrar do que a Nissan é capaz", explica Cristiane Sanchez, gerente de produto da marca. Tanto é que, apesar de ter um estande de vendas exclusivo em São Paulo, o GT-R não será oferecido a pronta-entrega e seu preço deverá ultrapassar R$ 700.000 – sem opcionais.
Mais importante que o cupê japonês é a dupla March e Versa, produzida desde 2014 em Resende, RJ, e responsável por quase 75% das vendas da Nissan até junho deste ano. "Foi um erro posicionar o March como um popular no Brasil", afirmou um executivo que preferiu não se identificar. Reestilizado e nacional, o hatch ficou mais caro, mais equipado e estreou o único câmbio CVT do segmento. “É estratégico oferecer esse tipo de caixa nessa faixa de preço”, explica Sanchez. Pelo mesmo motivo, a probabilidade da chegada da nova geração do hatch, que será lançada no Salão de Paris em outubro, é grande. Mas, antes disso, a Nissan ainda prepara mais uma tacada para crescer rapidamente.
"Nossa expectativa para a nova Frontier é bem alta", conta Alan Ponce, gerente de vendas da divisão de comerciais leves da Nissan. A picape chegará no final deste ano importada do México e apenas nas versões topo de linha com motor 2.3 turbodiesel e câmbio automático. "Ela vai conviver com o modelo fabricado em São José dos Pinhais, PR, por um tempo", revela Ponce.
A picape vai se juntar a March, Versa, Kicks e Sentra para compor o catálogo da Nissan para os próximos anos. Sentiu falta de alguém? Bem, a ausência de um produto tem a ver com os planos da fabricante para o Brasil.
FUTURO MODERADO
"Quando chegarmos aos 5% de participação, pensaremos nos próximos passos", diz Dossa. Por isso, modelos pouco rentáveis, como o sedã Altima, darão um adeus temporário ao mercado. Sem benefícios fiscais, o sedã americano só deve retornar com o dólar mais baixo. Mais provável é o retorno do X-Trail e a chegada do crossover Juke e do Qashqai – que, inclusive, compartilha peças com o recém-confirmado Renault Koleos.
A aliança com a fabricante francesa também vai gerar outros frutos: caberá à Renault oferecer versões mais baratas que a Frontier, com a sua Alaskan, e o motor 1.6 16V da Nissan equipará o Logan e o Sandero no Brasil.
A retribuição da fabricante europeia virá com a sua experiência com carros rentáveis. "Um dos pedidos do nosso CEO Carlos Ghosn foi para reduzir nossos custos de produção", conta Dossa. Com um consumidor cada vez mais exigente e ávido por qualidade, isso significa lidar com detalhes: do assistente de estacionamento com somente três sensores do Sentra, passando pela ausência de controlador de velocidade no Versa Unique até o porta-luvas com abertura sem amortecimento do Kicks.
Em marcas consolidadas, como Honda e Toyota, essa economia pode passar despercebida – que diga o HR-V sem sensor de manobras e o Corolla sem ESC até hoje –, mas pode custar caro para quem pretende aumentar suas vendas. "Por isso, fazemos mudanças onde nosso consumidor não vê", conclui Dossa.
O momento da Nissan é oportuno: além de finalmente entrar forte no segmento de SUVs compactos, a empresa pode dar uma guinada rumo ao topo das maiores fabricantes do mundo
A aquisição de 34% das ações da Mitsubishi, enfraquecida por um escândalo de fraude no programa japonês de emissões de poluentes, pode levar o grupo Renault-Nissan à liderança global, superando as poderosas Toyota e Volkswagen.
A experiência da fabricante dos três diamantes com competições off-road também virá a calhar para a Nissan, inclusive no Brasil. "Conhecendo a forma como Carlos Ghosn trabalha, acho pouco provável que ele mantenha duas operações simultâneas da Mitsubishi no Brasil, como acontece com a Hyundai e a Caoa", revelou um alto executivo da empresa.
Por imposição das leis que regem o mercado de ações, seu nome não pode ser divulgado. O que é dado como certo é o compartilhamento (especialmente de motores) para os modelos da Mitsubishi. A compra da operação da MMC no Brasil completaria a estratégia, que vai reposicionar os modelos das três marcas (Renault, Nissan e Mitsubishi), de forma que não ocorra canibalização entre eles.
O futuro para a marca sediada no Rio de Janeiro é promissor e vai muito além dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos no Rio. Só não se deve esquecer de que a história também tem casos de promessas que se transformaram em frustração.
Mas não deve ser o caso da Nissan, que mostra maturidade no mercado nacional com o Kicks. Com poucos, mas bem posicionados modelos, a Nissan, agora, vai chamar a atenção por seus carros, e não por seus comerciais.
avatar
MEN.

Mensagens : 105
Data de inscrição : 05/03/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Sab Set 10, 2016 9:58 am

Eu e meus pitacos enxeridos:

No meu entender a Nissan continua errando feio na sua estratégia no país.

Apesar dos últimos esforços para aparecer para o publico em geral, ainda é uma marca pouco conhecida pela maioria das pessoas. Seus carros são vistos pelas ruas e muita gente nem sabe ao certo a marca.

Sua linha de veículos é ridiculamente pequena no Brasil. E ainda enxuga e "esconde" outros modelos como o Altima, Sentra e a Frontier. Esta última até se entende. Defasada, será substituída em breve. E já está super atrasada (outro erro) Mas o Sentra não.

O Kicks, grande aposta da montadora, "sumiu" depois das olimpíadas. É assim que esperam que o carro resgate a marca? E já que o carro está sendo comercializado no México não poderiam trazer logo uma versão mais barata ao menos para não deixar a coisa esfriar até a produção nacional?

Um absurdo a retirada, mesmo provisória, do Altima do catálogo. É um carro espetacular, vistoso, desejado. Deixem o carro na linha. É uma vitrine ambulante que agrega prestígio à marca.

Erro em posicionar o March como popular????? Mas o carro é o que???? Erro muito maior será posicioná-lo como um compacto premuim. Coisa que nunca foi e nunca será. Talvez a nova geração a ser lançada ainda. Lindo carro. Aí sim poderia até competir na linha do HB20.

Estão mesmo atentos a detalhes como o número de sensores de estacionamento no Sentra? Tem certeza? Ok, o ESP pode não fazer tanta falta no Corolla (vai vir agora), mas a ausência do cruise control e descansa braço no Kicks é muito sentida e duramente criticada. Ah, mas é um carro mais urbano! O que querem dizer com isso? Quem vai comprar um carro onde o próprio fabricante insinua que não foi pensado para encarar estradas?

Os pôneis malditos fazem parte daquele tipo de comercial que vende mais a agencia de publicidade que o fez do que o produto em si. Um erro grosseiro de estratégia de Marketing que não sei como ninguém repara. Todo mundo se lembra da piada mas não do produto. Outro exemplo clássico foi a propaganda da SpeceFox veiculada anos atrás. Aquela onde o pai pergunta ao filho se ele toca guitarra, pega onda etc. Novamente todos se lembravam da piada mas poucos do carro. Simplesmente não entendo o que acontece nas reuniões de Marketing. Uma mesa repleta de papas no assunto, milhões em jogo e ninguém se toca que a coisa não vai dar certo. Sinceramente não entendo.

Por fim, quer dizer que estão esperando sentados os 5% de marcado para ver o que farão dali em diante???? Fantástico!!! É assim que se planeja e se age a longo prazo. Um exemplo em estratégia de negócios!

Alguém tem o telefone do Marcus Lemonis do programa "O Sócio"? Tô quase ligando e pedido para ele dar um pulinho na Nissan Brasil. Estão precisando.


Última edição por PauloEduardo em Sab Set 10, 2016 6:59 pm, editado 1 vez(es)
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por WilsonM em Sab Set 10, 2016 11:11 am

Falta a Nissan aquele apetite (pra não dizer outra palavra) pela vitória.

Os vendedores da Toyota quando me abordam falam assim: não tem problema, a gente dá um jeito para você levar seu Corolla, financiamos, damos desconto, te damos um preço legal no seu Sentra. E ficaram me ligando aqui incansavelmente.

Na Nissan eles te pegam para um test drive e te dão o preço do carro
avatar
WilsonM
Admin

Mensagens : 6855
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 53
Localização : Bs. As.

http://www.nissanclube.net.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por andre fachini em Sab Set 10, 2016 1:27 pm

Nem o whatsapp a CCS que me mandou o numero responde qdo peço algum orçamento..outro dia queria fazer um teste drive com o sentra, tava parado não tinha ninguem agendado e mesmo assim eu estando lá não me deixaram, teria que agendar um dia e hr..é mole? Sai fui na Toyota e na hr andei com o corolla.....essa é a diferença de tratamento.....Cade as propagandas, ofertas, facilidades de compra, etc....
avatar
andre fachini

Mensagens : 4491
Data de inscrição : 08/10/2015
Idade : 40
Localização : URUPÊS-SP INTERIOR

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por WilsonM em Sab Set 10, 2016 4:46 pm

eu um dia cheguei de surpresa numa css e convenci os caras a me deixarem andar no March CVT, então tem isso também, cada loja tem lá seu jeito de trabalhar. E muitas vezes não deixam simplesmente porque não tem carro na loja para test-drive, tem de mandar buscar o carro em outra loja, é uma penúria total.

Eu sempre vejo reportagens da Nissan, eles falam muito de longo prazo nos planos da empresa. Mas pra eu que estou de fora da empresa, parece mais que confundem longo prazo com ir devagar.

Trabalhei muito tempo na iniciativa privada, e sempre que a empresa buscava crescimento, era necessário aumentar muito os custos de operação. Do que a Nissan passou desde que foi comprada pela Renault, a gente sabe que a busca por corte de custos foi parte importante da recuperação da empresa. Então, a Nissan Brasil deve estar exatamente neste dilema, quer crescer, mas fica limitada pelo corte de custos.

Aliás corte de custos andou muito em moda, tinha um executivo de uma grande varejista que propagava a idéia de que custo é que nem unha, tem de cortar um pouco todo dia. Esta abordagem de cortar custos faz muito sucesso nos conselhos de administração e entre os acionistas.

pessoalmente, nunca gostei da idéia de patrocinar olimpíadas como a Nissan fez,  é coisa pontual que acaba muito rápido, e não tem muita associação com carro. Se é para investir em publicidade, prefiro que seja que seja que nem casas Bahia, que inunda a televisão com propaganda, durante o ano todo. Ou como fazem os patrocinadores master da Rede Globo nos eventos esportivos, por exemplo no  futebol. Domingo de tarde a gente liga a tv, nem sei que time vai jogar, mas sei que vai ter inserção do Itaú, da Vivo.

E acho que tem algo muito estranho para a produção do Kicks não ter iniciado no Brasil. Será que nossos operários são tão piores que os mexicanos?
avatar
WilsonM
Admin

Mensagens : 6855
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 53
Localização : Bs. As.

http://www.nissanclube.net.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por pimenta59 em Sab Set 10, 2016 4:54 pm

Sim, são. Os operários brasileiros produzem muito menos (e com mais imperfeições) que os de outros países. O pouco tempo que passei na indústria, foi o suficiente para eu evitar produto nacional.
avatar
pimenta59

Mensagens : 1691
Data de inscrição : 08/10/2015
Localização : Olinda - Glorioso estado de Pernambuco

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por WilsonM em Sab Set 10, 2016 5:43 pm

pois é pimenta, mas era previsto produzir aqui.

Você pega uma planta que vale R$2,5 bi, compra mais equipamentos, desenvolve linhas de fornecimento, treina as pessoas, e depois deixa tudo parado sem produzir?

no meu tempo, cabeças rolavam, geralmente de gente graúda na hierarquia.
praticamente joga no ralo todo o dinheiro da publicidade.

eu fico p... da vida com este desperdício, porque em algum momento o fabricante vai tentar recuperar o dinheiro, exatamente em cima de nós consumidores.
avatar
WilsonM
Admin

Mensagens : 6855
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 53
Localização : Bs. As.

http://www.nissanclube.net.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Sab Set 10, 2016 8:11 pm

Meu apreço pela marca vem de longa data. Da minha admiração pela cultura JDM. Os lendários GT-R, Skyline GT-R, Silvia, a série Z e vários outros carros icônicos da marca são reverenciados pelos amantes dessa cultura. Gosto muito de outros carros também como o Toyota Supra, Honda NSX, Mazda RX-7 e vários outros. Mas nenhuma marca japonesa foi capaz de produzir tantos carros lendários como a Nissan. Gosto mais destes carros do que Ferraris, Porsches ou Lamborghinis. Curiosamente nunca me vi num Nissan até ter a oportunidade de comprar meu B16. Torço muito pela marca aqui no Brasil mas tá difícil.

Por outro lado, muito falamos de onde ela erra, mas pouco de como poderia acertar na nossa opinião. Vou dar uns pitacos novamente. De imediato:

Na linha:

- Trazer de volta o Altima.
- Trazer ao menos uma versão mais básica do Kicks para não deixar a coisa esfriar. Dar maior atenção para ele também. O carro "sumiu".
- Trazer logo a nova Frontier. Já está sendo produzida na Argentina. Estão esperando o quê?

Na estratégia de Marketing:

- Como disse o Wilson, comerciais na TV. Sai caro mas dá retorno. Honda e Jeep nos soterraram com uma avalanche de comerciais do HR-V e Renegade. O resultado está aí na cara de todos. A Nissan está dando prioridade a mídia alternativa tipo cartazes, Internet, redes sociais, etc. Deve ser mais barato. É bacana mas tudo isso é complementar a mídia tradicional, que é a que atinge de verdade as pessoas.

- Dar mais atenção ao Sentra. É um carro super importante para a marca no país. Está abandonado. Publicidade e promoções nele. Estão fazendo isso com March e Versa somente.

No pós venda:

Ruim e caro. Espanta clientes. E como foi dito aqui cada css faz o que quer. Fica claro que a montadora não tem um plano estratégico para elas. É preciso maior padronização, fiscalização nos serviços e melhoria na qualidade. Revisão urgente na política de preços (que são irreais) em peças e acessórios.

Na região onde nasci, sul do estado do Rio, FECHOU a concessionária Nissan em Volta Redonda, a maior e mais rica cidade da região. Agora só em Resende. É mais fácil ir na fábrica e pedir um carro diretamente. É ao lado. E curiosamente, ao lado da concessionária que fechou estão abrindo uma da Jeep. Que só vende pra valer um modelo de carro. Triste.

Médio e longo prazo:

- Trazer ao menos um SUV médio como Rogue ou Qashqai.
- Uma vez recuperado o Sentra, produzi-lo aqui. Quem sabe o B18?
- Não demorar tanto para trazer a nova versão do March quando esta sair.
- Trazer o Juke acho um erro. É "feio" para os padrões brasileiros. Em geral não gostamos de design "exótico","revolucionário" e coisa e tal. Deixa isso para os europeus.

Não acho que o patrocínio das olimpíadas tenha sido um erro. A marca passou a ficar mais conhecida. Mas agora o que não vejo é um plano de sustentação da imagem. A marca apareceu e agora sumiu novamente. Se consolidar na cultura automotiva do povo é um processo demorado. Não adianta aparecer por um mês.

Chega de lerdeza esperando as coisas caírem do céu. Tem que investir agora com crise e tudo. Até porque esta tende a melhorar. Mas tem que investir. Tio Ghosn vai ter que deixar de ser muquirana ou vai ficar admirando o sucesso alheio. Cortar custo é ótimo, mas não ao ponto de perder ou deixar de captar clientela. Aí vira prejuízo.
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por pimenta59 em Sab Set 10, 2016 10:01 pm

Trazer o 370Z, se não por nada, para melhorar a imagem, ou, trazer o March Nismo.
avatar
pimenta59

Mensagens : 1691
Data de inscrição : 08/10/2015
Localização : Olinda - Glorioso estado de Pernambuco

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Sab Set 10, 2016 11:08 pm

Já tentaram trazer o 350z no passado. Não vendeu nada. No Brasil este tipo de mercado fica mais a cargo dos importadores independentes.

Aliás, a marca bem que tentou ser vista como um tipo de marca "premuim" no passado. Além da conhecida e saudosa linha de off roads como xTerra, Pathfinder, etc tentou trazer Murano, Máxima, 350z e tal. Como nada disso deu muito certo talvez esta seja a razão do excesso de prudência e foco numa linha mais popular e vendável como March e Versa.

Mas só acho que está na hora de esquecer o passado e partir para ofensiva mais efetiva. Acho que já tem visibilidade para isso.
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por pimenta59 em Dom Set 11, 2016 12:41 am

O 350Z vendeu tão pouco assim? Já vi mais dele na rua do que Altima, por exemplo. Pelo menos aqui em Olinda e Recife. Mas de fato, aqui é anormal.
avatar
pimenta59

Mensagens : 1691
Data de inscrição : 08/10/2015
Localização : Olinda - Glorioso estado de Pernambuco

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por MEN. em Dom Set 11, 2016 5:44 pm

"Tem que investir agora com crise e tudo. Até porque esta tende a melhorar. Mas tem que investir"

O Rio de Janeiro,está falido!! isso é público e notório,os outros estados,na sua grande maioria,pelo que me consta,também amargam uma crise econômica,sem precedentes,e sem poder contar com a ajuda da união (déficit 170 bilhões),sendo assim,em que pese, concordar com praticamente tudo que foi escrito acima,com exceção da frase em destaque,sinceramente,acho que a falta de investimento,ocorre justamente,por esse quadro de incerteza em que vivemos,não há no momento, efetivamente,nenhum indicador econômico,que possa inferir que a crise tende a melhorar,uma análise mais criteriosa dos números,demonstram o contrário,estamos parecidos com a Grécia,antes do colapso,com a diferença,que lá teve ajuda,no entanto,aqui,quem vai nos ajudar??
Desde o ínicio da crise,já são mais de 1.000 mil concessionárias fechadas,em todo o Brasil,as vendas obviamente,despencaram,portanto,entendo perfeitamente a direção da empresa,no tocante a cautela de investimento,diante de um futuro incerto,para não ficar na mesma situação crítica da Renault/Mitsubishi/e outras mais.
avatar
MEN.

Mensagens : 105
Data de inscrição : 05/03/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por PauloEduardo em Dom Set 11, 2016 6:57 pm

MEN, todas as outras estão investindo com ou sem crise. Até a Renault. Ou a Nissan acompanha o barco ou vai ficar à deriva.

No entanto acabo de ver na TV um comercial do Sentra, "O Herói das Ruas". Apesar de não achar o slogan lá essas coisas é um bom sinal. Finalmente o carro foi lembrado.
avatar
PauloEduardo
Admin

Mensagens : 2801
Data de inscrição : 18/10/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por WilsonM em Seg Set 12, 2016 9:47 am

no caso específico do segmento de sedans, o que falta é novidade, ou propaganda da novidade. Quem é especialista na tática é a Apple, cada vez que anunciam um novo iPhone o consumidor adora, e troca de aparelho mesmo que a novidade seja inútil ou desnecessária.

A própria Toyota, líder no segmento nos USA e Brasil, sabe disso, e trabalha para injetar um pouco mais de ânimo no segmento. Problema é que indústria automobilística a coisa anda devagar mesmo, e empresa japonesa é sempre muito conservadora.
Afinal, o Corolla é jurássico, é de espantar que venda tanto assim, talvez porque um SUV da Toyota ainda não caiu no gosto do consumidor brasileiro.

E a Nissan realmente está em compasso de espera. Tinham prometido, por exemplo, vender o GT-R por aqui, mas mesmo a Nissan Carrera que já tinha até o veículo no páteo no Brasil, nem colocou o carro no show-room.
avatar
WilsonM
Admin

Mensagens : 6855
Data de inscrição : 07/10/2015
Idade : 53
Localização : Bs. As.

http://www.nissanclube.net.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Nissan gastou R$ 800 milhões para patrocinar os Jogos Olímpicos e promover o Kicks

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum